Tendo em vista a eleição do próximo Presidente da República, terá lugar, nos dias 12 a 14 de janeiro de 2021, o voto antecipado para os cidadãos recenseados em território nacional, mas deslocados temporariamente no estrangeiro. Assim, poderão exercer o seu direito de voto antecipadamente os eleitores que se encontrem nas seguintes condições:

a)  Quando deslocados no estrangeiro, por inerência do exercício de funções públicas;
b)  Quando deslocados no estrangeiro, por inerência do exercício de funções privadas;
c)  Quando deslocados no estrangeiro em representação oficial de seleção nacional, organizada por federação desportiva dotada de estatuto de utilidade pública desportiva;
d)  Enquanto estudantes, investigadores, docentes e bolseiros de investigação deslocados no estrangeiro em instituições de ensino superior, unidades de investigação ou equiparadas reconhecidas pelo ministério competente;
e)  Doentes em tratamento no estrangeiro;
f)  Que vivam ou que acompanhem os eleitores mencionados nas alíneas anteriores.

O direito de voto antecipado poderá ser exercido nos seguintes locais:

  • Estocolmo (Embaixada de Portugal, Drottninggatan 108, 1 tr., 113 60 Estocolmo), entre as 9:00 e as 13:00 ou entre as 14:00 e as 17:00;
  • Gotemburgo (Clarion Hotel Post, Drottningtorget 10, Sala POST 10, 404 23 Gotemburgo) entre as 10:00 e as 15:00.

Folheto informativo acerca de como proceder para votar antecipadamente poderá ser consultado em: https://www.sg.mai.gov.pt/AdministracaoEleitoral/EleicoesReferendos/PresidenciaRepublica/Documents/Voto%20Antecipado_Estrangeiro_24jan_site.pdf

Poderá consultar o local em que se encontra recenseado em https://www.recenseamento.mai.gov.pt/.

  • Partilhe